Como aumentar as suas vendas na Black Friday?

Qualquer proprietário de um pequeno negócio ou de uma grande empresa que se preze, dirá que a Black Friday e o Natal são talvez a época mais oportuna do ano para impulsionar as suas vendas.

Um pouco de história

O maior evento de vendas foi, na realidade, em 1869, uma conspiração no mercado de ações. Jay Gould e Jim Fisk trabalharam juntos e compraram o máximo que podiam do ouro do país, de modo a elevar os preços das ações e depois vendê-las com lucros incríveis. Naquela sexta-feira de setembro foi revelada a conspiração, culminando no colapso de todo o mercado.

Depois de 1960, em Filadélfia, os proprietários de lojas usaram o termo Big Friday como um evento de vendas, porque a Black Friday tinha conotações negativas (quebra do mercado de ações) e racistas.

Foi no final da década de 1980, que os retalhistas encontraram uma maneira de passar de algo negativo para o maior evento de vendas em todo o país.

Planear uma campanha de Black Friday

A Black Friday é considerada o início das vendas não oficiais de Natal. A Cyber ​​Monday segue imediatamente o fim de semana da Black Friday. Hoje em dia, as empresas atraem clientes com descontos, brindes, bónus e ofertas difíceis de ignorar.

As estatísticas demonstram que a quantidade de dinheiro gasta em compras ‘online’ durante este período tem aumentado progressivamente a cada ano. Na verdade, em 2019, as vendas ‘online’ da Black Friday bateram o recorde, registando um aumento de 19,6% em relação ao mesmo período de 2018.

5 Passos para uma Campanha de Black Friday de Sucesso

Passo 1: Objetivos

Se esta é a primeira vez que está a planear um “Black Friday”, o primeiro passo é definir objetivos e indicadores-chave de desempenho (KPIs).

Algumas empresas usam a Black Friday e a Cyber ​​Monday para escoar stock antigo, enquanto outras usam esta data para lançar novos produtos ou promover vendas de produtos da estação atual.

De facto, as possibilidades para este evento são ilimitadas. No entanto, os objetivos que definir determinarão o tipo de campanhas que vai executar e as métricas usadas para analisar o seu sucesso, portanto, seja o mais específico possível.

Se esta não for a sua primeira campanha de Black Friday, verifique primeiro os resultados da campanha do ano passado.

A sua campanha de Black Friday 2019 teve sucesso? Teve o desempenho esperado? Quais foram as métricas ou KPIs que usou para medir o seu sucesso? São métricas úteis?

Rever os seus sucessos ou fracassos anteriores é uma ótima maneira de identificar as áreas que podem ser melhoradas, portanto, não salte este passo.

Como parte do objetivo da campanha, também é importante determinar o público-alvo da sua oferta.

Dependendo dos objetivos da sua campanha, o seu público-alvo pode ser muito amplo, incluindo utilizadores que não o seguem, ou pode ser apenas uma pequena parte dos seus seguidores.

Independentemente do tamanho, se você se concentrar nos seus clientes ideais e considerar as suas características demográficas (idade, sexo e localização) e as atitudes e emoções (os seus interesses e pontos fracos) que determinam as suas decisões de compra, a sua campanha será mais eficaz.

Passo 2: Faça um Desconto Inteligente

Não faça um desconto de 40% uniformemente. Isso é ser preguiçoso.

Segmente os seus clientes e ofereça descontos ou ofertas que atrairão a sua base de clientes específica.

Só porque o produto é barato não significa que os seus clientes irão comprá-lo. Deve ser o produto ou oferta em que estão interessados. Recomendamos fortemente que use ferramentas de automatização por e-mail marketing, que o ajudarão a segmentar os seus clientes e a criar oportunidades para enviar a mensagem a clientes com precisão com base nos seus interesses e histórico de compras.

Passo 3: Crie uma sensação de urgência

Ao pensar na sua estratégia de anúncios tente criar uma sensação de urgência para as suas campanhas durante o Black Friday. Comece cedo e certifique-se de que os seus clientes saibam que os seus anúncios estão disponíveis apenas por um tempo limitado ou até que sejam vendidos.

O seu objetivo é manter os clientes vigilantes. Faça-os querer comprar assim que a sua oferta estiver disponível, em vez de um minuto depois. Deixe os seus seguidores espiarem o que está para acontecer, para os deixar mais animados.

Use e-mail marketing, artigos em blogs e, claro, posts nas redes sociais. Tornar isso divertido inclui fazer contagem decrescente ou revelar lentamente a sua campanha, nas histórias do Instagram.

Passo 4: Prepare Pop-ups

Haverá sempre alguns potenciais clientes que não são tão facilmente atraídos e podem sair do site de mãos vazias. A tecnologia de adicionar um pop-up antes do utilizador sair do website, vem aumentar as possibilidades de se registar uma compra.

Durante o Black Friday e a Cyber ​​Monday, enfrentará dois desafios principais:

  1. Primeiro, o cliente sai sem comprar.
  2. Em segundo lugar, os visitantes que entram no seu site nesse dia, geralmente têm pouco tempo para visualizar informação e não acrescentam valor.

Mas, felizmente, para os comerciantes, as janelas pop-up podem ser usadas para ajudar a resolver esses dois problemas. Ao usar janelas pop-up (acionadas quando alguém sai do seu site) para fazer com que os clientes finalizem a compra, forneça-lhes descontos especiais de Black Friday, brindes ou cupões.

Etapa 5: recuperar carrinhos abandonados

Os clientes da Black Friday têm um período de atenção muito curto e vão comparar as ofertas entre vários fornecedores e sites de comparação de preços.

Só porque alguém saiu do seu site não significa que a sua chance de atraí-lo já passou. Redirecione via e-mail, Facebook e exiba anúncios para lhe dar oportunidades suficientes para encerrar a compra.

Mas lembre-se, esta é uma transação de um dia, portanto, gaste o menor tempo possível a ajustar o período de retargeting.

Isso pode ser contrário à prática normal de não bombardear pessoas, mas isto é o Black Friday! Os clientes esperam que seja caótico e a competição, seja feroz – apenas a bravura e a ousadia podem vencer.

Veja este exemplo de um anúncio de retargeting, para carrinhos abandonados. Normalmente, o fornecedor pode ter de esperar algumas horas ou dias para relembrar o proprietário de um carrinho de compras abandonado. No entanto, no Black Friday esse tempo deverá ser reduzido para 5 minutos, para evitar que o potencial cliente procure outros vendedores.

Resumo

Black Friday, Cyber ​​Monday e o Natal são extremamente importantes para qualquer loja, especialmente os de e-commerce. Este é um ano atípico e ninguém pode ter certeza de como será o Black Friday.

A preparação será a chave para o sucesso, a vontade e capacidade de tentar novas estratégias também, serão fatores-chave para o sucesso. Inove constantemente e encontre novas maneiras de se conectar com o seu público e construir uma relação de fidelidade entre os seus clientes e a sua marca.

Inspire-se com os exemplos mencionados, economize o seu tempo e crie campanhas digitais com AS Digital!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Damos valor à tua privacidade

As cookies são necessárias para garantirmos a melhor experiência possível ao utilizador.
Para navegar no nosso website, é necessário aceitar a utilização de cookies.
Leia a política de privacidade para mais detalhes.